Desenvolvimento
complexo de inferioridade

Complexo de Inferioridade: o que é, sintomas e como superar

Se o seu dia a dia anda cheio de uma autocrítica exagerada, comparações que sempre te colocam pra baixo e até um certo desprezo por si mesmo, é hora de acender a luz amarela: talvez você sofra de complexo de inferioridade.

Como o próprio nome diz, o complexo de inferioridade faz você se comparar com outras pessoas a todo momento e chegar à conclusão de que é menor do que elas.

“Aquela mulher é linda, mas é para outro tipo de homem. Eu jamais conseguiria algo com ela”

“Caramba, fulano é inteligente, bem-sucedido e ainda tem um shape muito melhor que o meu. Sou um preguiçoso”

“Amo minha namorada, mas me incomodo só de pensar na relação dela com o ex. Será que ela era feliz? O sexo era bom? Ela sente saudade?”

Bom, já deu pra ter uma ideia de como esse tal complexo de inferioridade pode ferrar seus relacionamentos e sua qualidade de vida, né? A boa notícia é que ele tem cura. Continue lendo e vamos te passar algumas dicas importantes!

O que é complexo de inferioridade

O complexo de inferioridade foi descoberto pelo Dr. Alfred Adler, um discípulo de Freud que percebeu em alguns pacientes um comportamento neurótico que tem como característica um sentimento de insuficiência perante a vida.

Esse comportamento geralmente está ligado a uma autoestima baixa que faz o indivíduo se sentir incapacitado perante os problemas do dia a dia.

Complexo de Inferioridade: sintomas

Quando você é tomado pelo sentimento de ser inferior aos outros, vários mecanismos de defesa são acionados pelo seu corpo. Veja se você identifica algum deles:

  • Você vive buscando reconhecimento
  • Você não lida bem com críticas
  • Você é perfeccionista
  • Você é inseguro
  • Você é ciumento
  • Qualquer situação, por menor que seja, pode te tirar do eixo
  • Você sente inveja com frequência excessiva
  • Você se compara com os outros frequentemente
  • Você se coloca no papel de vítima
  • Você tem dificuldade nos relacionamentos interpessoais

tenho complexo inferioridade

Complexo de Inferioridade: causas

As causas do complexo de inferioridade podem ser as mais variadas possíveis. Abandono paterno, bullying na escola, defeitos físicos, um término traumático de namoro… São dezenas as situações que podem servir de gatilho para despertar o complexo de inferioridade.

Como superar o complexo de inferioridade?

Se você está aqui e desconfia que é vítima do complexo de inferioridade, agradeça por ter descoberto o seu diagnóstico. Milhões de homens e mulheres passam a vida inteira enfrentando esse problema e morrem sem saber que ele tem nome e que boa parte das pessoas ao redor também sofrem do mesmo mal.

Trata-se de um monstro invisível que vai corroendo a nossa qualidade de vida aos poucos, gerando insegurança, estresse, angústia e tirando completamente o nosso tesão de viver.

Mas vamos parar de falar sobre o que é o complexo de inferioridade e passar para o mais importante: como superá-lo. O mais engraçado de tudo é que superar o complexo de inferioridade nem é uma tarefa tão difícil assim. Veja o que você pode fazer:

Entenda a origem do complexo

A primeira arma do seu arsenal contra esse problema é entender exatamente o porquê de estar se sentindo inferior aos outros.

Faça uma investigação cuidadosa em sua vida e busque situações que podem ter servido como gatilho.

Vamos supor que você foi traído e isso acabou desenvolvendo crenças de que você não é bom o suficiente. O simples fato de ter clareza sobre o motivo do problema já é um grande passo.

Agora é hora de refletir sobre a situação. Seu cérebro entendeu da seguinte forma: “ela procurou outro porque você não deu conta de suprir suas necessidades. Logo, você é inferior!”.

Porém, trata-se de uma falácia. Será que você tem alguma culpa? Ou sua ex simplesmente não tinha caráter/maturidade e vai continuar traindo os próximos parceiros? Será que as milhares de pessoas que são traídas todos os dias deveriam mesmo se sentir inferiores?

Ao fazer essas perguntas, você começa a desembaraçar o nó e soltar um fardo que não é seu!

Nem tudo que reluz é ouro

A causa raiz do complexo de inferioridade é a comparação. Você fica o tempo todo comparando seu sucesso, sua namorada, sua beleza e seu carro com o de outras pessoas.

E adivinha? Sempre vai ter alguém que parece ter uma vida perfeita, muito melhor que a sua.

Nem precisamos dizer como as redes sociais podem ser um veneno para quem sofre com o complexo de inferioridade, né?

O melhor remédio para você é tentar parar com as comparações. Além disso, lembre-se todos os dias de que as pessoas fazem questão de mostrar o seu “palco” nas redes sociais, mas ocultam os “bastidores”.

  • O cara mostra a BMW, mas esconde que nesse mês está devendo o aluguel.
  • A garota mostra o corpo de biquíni no Instagram, mas não tira foto quando tá toda suada indo pro trabalho de ônibus.

Para quem está no meio de uma guerra contra o complexo de inferioridade, é difícil perceber, mas todo mundo tem defeitos e está lutando muito contra os seus demônios… Assim como você.

Então, na próxima vez que estiver se comparando, quebre o padrão de ver as melhores qualidades dos outros e os seus piores defeitos. Acostume o seu cérebro a olhar com compaixão para você mesmo e ser grato pelo que tem acontecido na sua vida.

Dica extra 1: identifique perfis de redes sociais que mais te fazem se sentir ansioso e apequenado e dê unfollow, pelo menos por enquanto.

Dica extra 2: quando se sentir menor ou anulado em uma situação do dia a dia, como um jantar com uma garota, pergunte-se se ela também não está sentindo a mesma insegurança/medo que você. Você não está dentro da cabeça dela pra saber… Muitas vezes se trata de um sentimento normal, que todo mundo tem, mas que você logo rotula como um “problema” da sua personalidade.

complexo de inferioridade sintomas

Cultive o autocuidado

Em um processo de retomada da autoestima, é importante que você tenha uma atitude mental positiva sobre si mesmo. Ao longo do tempo, isso vai melhorar a sua autoimagem.

Nada de se criticar demais, de odiar seu próprio corpo, de se entregar aos pensamentos negativos… É hora de dar mais atenção ao seu estilo, aos treinos, à dieta, aos estudos, à grana.

Leia mais: “7 Ideias de negócios lucrativos para montar hoje”

Uma mudança sólida, em forma de um shape melhor ou de uma conta com mais dígitos, tem tudo pra te ajudar a superar o complexo de inferioridade.

Terapia

Por fim, aquela dica de sempre: faça terapia!

Buscar ajuda profissional de uma psiquiatra ou terapeuta pode ser crucial em muitos casos. Além de te ajudar a ver o problema de outros ângulos, pode ser que a sua insegurança tenha origem em um descompasso químico no cérebro.

Muitos homens sentem uma verdadeira revolução em suas vidas depois de fazer terapia e/ou começar a tomar um remédio que equilibra hormônios como a serotonina.

o que e complexo de inferioridade

Pronto para combater seu complexo de inferioridade e retomar sua qualidade de vida? Deixe um comentário abaixo caso tenha ficado com alguma dúvida, outros leitores podem acabar ajudando com suas histórias e pontos de vista!

Mantenha-se forte,

Equipe Hora Homem

 

Share this Story
testerodrigo
Load More Related Articles
Load More By Mariano Estrada
Load More In Desenvolvimento

Facebook Comments

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Check Also

Treino de peito: os 7 exercícios mais completos segundo especialistas

Um peitoral desenvolvido não apenas acrescenta um visual ...